Barra de vídeo

Loading...

quinta-feira, 6 de abril de 2017

OS 10 SINAIS DE UM RELACIONAMENTO ABUSIVO



No maravilhoso romance "Amor ou Obsessão", o autor Valter Dos Santos conta a história de dois relacionamentos distintos, vividos pelas personagens Zahra e Maria, e como elas são abusadas verbalmente e psicologicamente por seus parceiros. 

Maria é abandonada pelo marido, no entanto, acha que sua vida não tem nenhum sentido sem ele, acredita que a única forma de ser feliz será reconquistando José. Seu sentimento por ele é tão forte que ela não consegue sequer dar atenção ao filho recém-nascido.

Zahra é uma linda e inteligente jovem do Oriente Médio e, ao mudar para o Brasil, descobre que existe muita vida e beleza além da sacada do luxuoso apartamento em que vive com o marido, um homem dominador que tenta afastá-la da família, dos amigos e da sociedade.

Mas Maria e Zahra contam com duas amigas que as ajudarão a entender se o sentimento envolvido nesses relacionamentos. Será Amor ou Obsessão?

Um romance fantástico e surpreendente que nos convida a refletir no verdadeiro sentido da amizade e do amor.


O livro contém uma lista com os sinais indicadores de uma relação abusiva, confira abaixo :
1. Controle - uma pessoa abusiva, agressora, exige a todo momento a sua atenção, controla
tudo do(a) parceiro(a): as finanças, as decisões a serem tomadas, e até os programas
e as atividades que o casal e a família praticam juntos. Não aceita a independência do(a)
parceiro(a) e acaba por se tornar raivoso(a) quando o(a) parceiro(a) começa a demonstrar
sinais de independência ou força.

2. Ciúme - A pessoa abusiva sente muito ciúme de todos à volta do(a) parceiro(a) inclusive
sua família, seus amigos, e colegas de trabalho.

3. Posse - A pessoa abusiva vê seu parceiro(a) como sua propriedade e não respeita sua
individualidade. Acusa seu parceiro(a), sem razão, de traição ou de flertar com outras
pessoas. Pergunta onde ele(a) estava e com quem estava, de uma maneira acusadora e
muitas vezes agressiva.

4. Diz que ama, mas agride - a pessoa abusiva sempre quebra suas promessas, diz que
ama seu parceiro(a) e promete que vai melhorar, mas nunca cumpre suas promessas.

5. Manipulação - a pessoa abusiva, é sempre mestre na arte de manipular pessoas. Distorce
fatos para fazer com que seu parceiro(a) acredite ser o(a) culpado(a) pela agressão
sofrida. Sempre tenta fazer com que seu parceiro(a) sinta pena dele e faz com que sua
vítima o(a) enxergue como coitadinho(a).

6. Desrespeito às demais pessoas - a pessoa abusiva demonstra falta de respeito em
relação às pessoas à sua volta. Se você perceber que ele(a) não respeita os pais e a própria
família, caia fora! Se ele(a) não respeita a própria família, não irá respeitar você.

7. Superioridade - a pessoa abusiva age como se sempre estivesse certa. Ele(a) justifica
suas ações de modo a estar sempre “certa” para você e os outros. Fala usando um tom
superior, e também irá xingar, a fim de sentir-se melhor. O alvo dele(a) é fazer você sentirse
fraco(a) de modo que ele(a) possa ter poder. Pessoas abusivas são na maioria das vezes
inseguras e exercer poder faz com que se sintam melhor a respeito de si mesmas.

8. Punição - uma pessoa abusiva gosta de punir suas vítimas. Ele(a) pune através da
utilização de vários mecanismos. Os mais comuns são: privar o parceiro(a) de sexo e de
intimidade emocional, fazer um jogo silencioso como punição quando ele(a) não consegue
as coisas do seu jeito.

9. Mudanças de humor - a pessoa abusiva muda de humor muito facilmente. Ele(a) vai
de abusivo(a) para uma aparência humilde, desculpando-se e tornando-se amoroso(a)
depois que o abuso aconteceu. Tudo isso faz parte do jogo dele(a) para continuar a manipular
seu parceiro(a).

10. História - Fique atento(a) à história dele(a). A grande maioria das pessoas abusivas,
e agressoras, muitas vezes tem um histórico de abuso a pessoas, ou a animais, ou foi abusado(
a) por alguém. Agressores físicos repetem seu padrão e procuram pessoas que são
submissas e possam ser controladas. O comportamento abusivo pode ser uma disfunção
geracional e pessoas que sofreram abuso têm uma grande chance de se tornar agressores.
Pessoas que abusam de animais são mais propensas a abusar de seres humanos também.

Adquira o livro no link : https://goo.gl/D0x6jb





Mais sobre Valter Dos Santos : https://goo.gl/3GzYgG



Nenhum comentário:

Postar um comentário